sexta-feira, 6 de abril de 2012

Um mergulho na magia do Boi Caprichoso

Caprichoso é o boi-bumbá que defende as cores Azul e Branco. Seu símbolo é a estrela azul, a qual ostenta em sua testa. É o Guardião da Floresta, do folclore parintinense, do imaginário caboclo e do lendário dos povos indígenas. O nome, Caprichoso, teria um significado intrínseco a ele, isto é, pessoas cheias de capricho, trabalho e honestidade. O sufixo “oso”, significando provido ou cheio de glória. Quando somados, “capricho” mais “oso”, poder-se-ia dizer que é extravagante e primoroso em sua arte.



Braços erguidos , minha Galera
balançando pra lá e pra cá
eu sou a raça , sou a força da Galera
sou a voz , a garganta , o cantar

Esse amor , meu amor , bate no meu peito
essa cor , esse amor , meu amor é o caprichoso
( essa cor , esse amor , esse boi é o caprichoso )

Até o coração já se rendeu
bateu mais forte quando viu meu boi chegar
rufa tambor Marujada , a festa vai começar

Eu vou cantar !
balança , balança na arquibancada
camisa azulada , o calor e o suor
meu boi quando chega estremece a terra
explode Galera ( hei )





Viva a Cultura Popular 
Postar um comentário