domingo, 12 de junho de 2011

Na estreia de Abel, Willian brilha, faz dois e dá vitória ao Timão sobre o Flu

Em um elenco composto por atacantes renomados, como Adriano, Emerson Sheik e Liedson, quem decide neste momento para o Corinthians é um baixinho desconhecido da torcida até poucos meses atrás. Contratado no início do ano para ser só mais uma opção no grupo, Willian mostra a cada rodada que brigará com as estrelas por uma vaga na equipe. Neste domingo, em partida que marcou a estreia do técnico Abel Braga no Fluminense, o jogador fez os gols da vitória alvinegra por 2 a 0, no Pacaembu, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. São agora 12 partidas sem perder para o clube do Rio de Janeiro pelo torneio nacional - 14 se somada também a Copa do Brasil.

O triunfo mantém o Timão invicto e na segunda colocação, agora com dez pontos, dois abaixo do São Paulo. E o próximo duelo será justamente contra o rival, no Pacaembu, no dia 26. Mais do que fazer o Corinthians permanecer perto da liderança, Willian vive grande fase como titular, depois de passar todo o Paulistão como talismã no banco de reservas. Foi o terceiro gol do atacante nas últimas duas rodadas. Ele também é o vice-artilheiro do time na temporada, com sete, cinco atrás de Liedson.

Já o Fluminense não consegue seguir em crescimento na competição justamente na estreia de Abel Braga. A equipe vinha de duas vitórias consecutivas (Atlético-GO e Cruzeiro), mas voltou a jogar mal e estacionou nos seis pontos, ocupando a nona colocação. Na próxima rodada, recebe o Bahia, às 18h30m de sábado, no Engenhão.

A partida marcou também o reencontro de Emerson Sheik com o Fluminense. O jogador, dispensado depois de cantar uma música alusiva ao Flamengo no ônibus do Tricolor carioca, cumprimentou alguns ex-companheiros antes do jogo e não deixou de alfinetar o algoz Fred. O jogador se defendeu das críticas do centroavante de que teria atirado uma bomba no clube:

- Tem gente que fala demais - afirmou o atacante, que entrou aos 20 minutos do segundo tempo e teve uma boa chance de marcar.


Fonte:Globoesporte.com

Postar um comentário