sábado, 4 de junho de 2011

Guarani supera o Vitória no Barradão e vence a primeira partida na Série B

O Guarani conseguiu na noite desta sexta-feira sua primeira vitória na edição 2011 da Série B do Brasileirão. Jogando em Salvador, no estádio Barradão, o time campineiro derrotou o Vitória pelo placar de 1 a 0. Fernandão fez o gol do jogo, aos 12 minutos do segundo tempo. O placar poderia até ter sido mais dilatado para os visitantes, que perderam muitas chances para ampliar nos 15 minutos finais da partida.

Com o resultado, o Bugre chegou a cinco pontos na tabela de classificação (havia empatado seus dois jogos anteriores) e assumiu a quarta colocação. O Vitória, por sua vez, chega à segunda derrota consecutiva e segue estacionado com três pontos ganhos. O time aparece apenas em 13º lugar.

Apesar de começar o jogo com três volantes, foi o Guarani que dominou as primeiras ações. Com boa movimentação do lado esquerdo de seu ataque, o Bugre assustou o Vitória nos minutos iniciais. Aos nove minutos, Fernandão recebeu na área e por pouco não abriu o placar paras os visitantes. A bomba do atacane explodiu no poste direito e foi para fora.

Aos poucos, o Leão equilibrou as ações, mesmo sem jogar bem. Com ênfase nas jogadas de Nino pela direita e nas bolas paradas de Geovanni, o time da casa criou suas melhores chances no primeiro tempo. Numa delas, após bola levantada na área por Geovanni, Neto Baiano cabeceou e obrigou Emerson a fazer boa defesa. No rebote, Alison mandou para fora e perdeu boa oportunidade.

No segundo tempo, o Vitória voltou tentando encurralar o time do Guarani. Entretanto, foi o time do Bugre que chegou ao gol, aos 12 minutos. Felipe, meia que fez bom Carioca pelo Olaria, fez grande jogada pela esquerda e cruzou na medida para Fernandão, que escorou de cabeça e correu para o abraço.

O gol fez mal ao Vitória, que passou alguns minutos perdido em campo. Nos contragolpes, o Guarani teve chances para ampliar a vantagem, mas pecou nas conclusões. Aos poucos, o Leão começou a se encontrar e tentou partir em busca do empate.

Depois de turbinar o meio-campo do time baiano, com as entradas de Marcelo e Felipe nas vagas de Geovanni e Xuxa, o técnico Geninho resolveu ir para o tudo ou nada ao lançar no jogo um terceiro atacante: Edson entrou no lugar do lateral Léo.

Pouco adiantou. O Burgre soube segurar o ímpeto dos donos da casa e ainda desperdiçou boas chances para fazer o segundo gol, por conta da má pontaria dos homens de frente. No fim, o time campineiro garantiu sua primeira vitória na Série B 2011.


Fonte:Globoesporte.com
Postar um comentário