quinta-feira, 7 de julho de 2011

Bahia vira no primeiro tempo, mas acaba no empate com o Avaí

Apesar de ter virado o placar ainda no primeiro tempo e dando a entender de que poderia conquistar mais uma vitória fora de casa, o Bahia cedeu o empate e ficou no 2 a 2 com o Avaí nesta quarta-feira (6), na Ressacada. Resultado amargo para alguns. Afinal, o time catarinense é vice-lanterna. Por outro lado, é mais um ponto bem-vindo para a missão tricolor na Série A 2011. Júnior desencantou e, assim como ele, Paulo Miranda marcou seu primeiro gol com a camisa do Bahia.

Com o resultado, o Bahia assume a 11ª colocação, com nove pontos. O Avaí continua na vice-lanterna, agora com três e nenhuma vitória até então. O Tricolor volta a campo no próximo domingo (10), quando encara o Botafogo, em Pituaçu. No sábado (9), o Avaí visita o Atlético-PR, na Arena da Baixada. Os jogos são válidos pela nona rodada da Série A do Brasileirão.

O frio não impediu que o Bahia fosse para cima do Avaí e estabelecesse o seu modo de jogar na casa do adversário. O time baiano começou melhor a partida, marcando no campo do adversário, mas errava muitos passes. Se não tinha maior posse de bola, o Avaí foi o time que criou as primeiras jogadas de perigo. Aos seis, Pedro Ken arriscou o chute de fora da área, mas a bola resvalou na defesa. Aos oito, a primeira chance real de gol. William aproveitou cruzamento na área tricolor e cabeceou com firmeza. Lomba, bem colocado, segurou.

Com as chances criadas, o Avaí trouxe a sua torcida para o jogo e conseguiu furar o bloqueio do Bahia aos 19 minutos, mesmo com a partida equilibrada. Romano invadiu a área pela direita e bateu forte. Lomba espalmou e, no rebote, o atacante Rafael Coelho estufou as redes do time baiano. Mas as comemorações não demoraram muito. Aos 23, o Bahia investiu no ataque com Jóbson pela esquerda. O atacante chegou à linha de fundo e chutou cruzado. Com o gol aberto, Júnior só fez empurrar de carrinho.


Paulo Miranda comemora o gol da virada, marcado no primeiro tempo

Ainda eufórica pelo empate, a torcida tricolor prolongou a comemoração. Aos 25, Ricardinho cobrou escanteio pelo lado esquerdo e achou a cabeça de Paulo Miranda, que mandou no canto direito do goleiro Felipe para colocar o time baiano na frente. Enquanto o Avaí ia para cima em busca do empate, o Bahia tentava partir em velocidade no contra-ataque para tentar ampliar ainda na primeira etapa. Mas foi o time da casa que chegou. Aos 42, Robinho encontrou Rafael Coelho na área, mas o atacante tentou tirar do goleiro Lomba e acabou mandando pela linha de fundo.

Com duas mudanças para o segundo tempo, o Avaí foi para cima do time baiano. Mas a pressão dos catarinenses abria espaços para o contragolpes do Bahia. Em um deles, aos nove minutos, Ricardinho deixou Marcos em ótima posição na área. O lateral cortou o zagueiro e mandou longe do gol de Felipe. Aos 13, a insistência do Avaí deu resultado. Após cobrança de escanteio pelo lado esquerdo, o zagueiro Gustavo subiu mais do que a defesa tricolor e mandou no canto do goleiro Marcelo Lomba, que nada pôde fazer.

Depois do gol, o Avaí cresceu. Um minuto depois, em grande jogada individual, Cléverson chutou da entrada da área e a bola tirou tinta da trave de Lomba. Aos 19, o Bahia saiu do sufoco em novo ataque pela esquerda. Júnior deixou Marcos em boa situação na área, mas o chute do lateral passou rente à trave de Felipe. Enquanto Lomba impedia o terceiro dos catarinenses de um lado, o Bahia acertava a bola na trave aos 25, após cobrança de falta de Ricardinho.

Mais na velocidade e na garra do que na técnica, o Avaí não dava sinais de cansaço e continuava sufocando o time rival. O Bahia, por sua vez, sucumbiu à pressão do adversário e também tinha dificuldades para contra-atacar. Aos 33, Cléverson cruzou na área, William cabeceou e Lomba fez um verdadeiro milagre. Apesar da pressão adversária, o Bahia teve a vitória nas mãos aos 39, quando a bola sobrou para Fahel na pequena área, mas ele não mirou o chute e isolou. Estava decretado o empate na Ressacada.

Avaí 2 x 2 Bahia - 8ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A
Data: 06/07/2011
Local: Ressacada
Árbitro: Ricardo Marques (MG)
Assistentes: Guilherme Camilo (MG) e Gilson Coutinho (MG)

Avaí: Felipe; Daniel, Welton Felipe, Gustavo Bastos e Romano; Fabiano (Diogo), Cléverson, Pedro Ken e Robinho (Maurício); Rafael Coelho (Fábio Santos) e William. Técnico - Alexandre Gallo

Bahia: Marcelo Lomba; Jancarlos (Maranhão), Paulo Miranda, Titi e Dodô (Marcos); Marcone, Fahel, Diones e Ricardinho (Lulinha); Jóbson e Júnior. Técnico - René Simões



Fonte:Correio da Bahia

Postar um comentário